Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

O governo do Estado lançou nesta terça-feira (23) o Edital de Seleção do Programa de Incubação de Empresas do Amapá. A ação tem como meta apoiar e consolidar os micros e pequenos empreendimentos por meio da consolidação de negócios.

Na prática, o edital permite a seleção de 30 empresas. Elas serão acompanhadas por três meses pelo Sebrae que vai ofertar planos de negócios, viabilidade do mercado e planejamento estratégico.

Cleudione Oliveira: edital deve fomentar ainda mais a Zona Franca Verde. Fotos: Cássia Lima

“Depois vamos selecionar 10 dessas empresas. Cinco vão residir na incubadora com apoio técnico e operacional e as outras serão gerenciadas. O Pré-requisito é que todas sejam da área verde e produtos naturais”, explicou a Coordenadora do Centro de Incubação do Iepa, Cleudione Oliveira.

As empresas beneficiadas receberão apoio em seus aspectos tecnológicos, gerenciais, mercadológicos e de recursos humanos, para que possam atingir grau de amadurecimento que viabilize sua sustentabilidade e crescimento.

Dez empresas serão selecionadas para o acompanhamento

Autoridades presentes no lançamento do edital

O edital é para empresas no setor de alimentos, biotecnologia, produtos naturais, fitofarmacos, fitocomésticos e tecnologia da informação.

“Estamos relançando a incubadora num contexto que já temos uma Zona Franca. Essas empresas podem ser transferidas para a Zona Franca Verde e irão se beneficiar de um novo momento”, ressaltou o governador,  Waldez Góes.

Compartilhamentos