Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

O que era para ser uma fiscalização de rotina da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no início da tarde desta sexta-feira (12), acabou por interceptar o envio de drogas para o interior do Amapá. Foram apreendidas 113 porções em baladas e 4 pedras brutas de crack com um passageiro de um veículo no Km 8 da BR-210. Após ser descoberto, Alexandre Júnior Lobato da Conceição, de 38 anos, revelou que seu destino era o município de Calçoene, a 374 quilômetros de Macapá.

Segundo a versão que contou à polícia, seu objetivo era comercializar a droga na cidade a mando de um traficante que cumpre pena no Instituto de Administração penitenciária do Amapá (Iapen). De acordo com a PRF, Alexandre Júnior é ex-detento e cumpriu pena de 6 anos por tráfico de drogas.

Material apreendido com o homem. Fotos: PRF/Comunicação

Além da substância entorpecente, foi encontrado com o homem a quantia de R$322. A descoberta da droga se deu na abordagem do veículo. Os policiais encontraram nos pertences do passageiro, que estava num carro que faz transporte de pessoas, a primeira parte dos entorpecentes. O infrator então informou que ainda tinha mais do produto ilegal em sua residência, no Bairro Infraero. A equipe então se deslocou junto com o indivíduo até o local e encontrou a outra parte do material dentro do fogão, em sua cozinha.

“Era uma fiscalização de rotina. Ele confessou que a droga era dele e que faria a venda na cidade e que vinha do Infraero”, disse o agente João Guimarães, da PRF.

Equipe da PRF após sucesso na apreensão

Os agentes da PRF deram voz de prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e encaminharam Alexandre Júnior para o Ciosp do Bairro do Pacoval, para aplicação das medidas legais cabíveis. O condutor do veículo foi liberado.

Compartilhamentos