Compartilhamentos

De Santana, FERNANDO SANTOS  

Uma das instituições sociais mais respeitadas do Amapá, dona de um trabalho impecável, a Casa da Hospitalidade de Santana, que sobrevive apenas de doações, receberá apoio do governo do Amapá. O termo de fomento assinado na tarde desta segunda-feira (8) pelo governador Waldez Góes (PDT), e garante um repasse de R$ 300 mil.

O recurso será utilizado na execução de um projeto que vai ajudar no acolhimento, proteção e assistência social a pessoas que possuem transtornos mentais, deficiências múltiplas e crianças que estejam em risco social.

“É uma complementação. A gente necessita desse fomento, é uma bênção para nossa instituição. Vai ajudar na alimentação e material de consumo, de higiene”, informou a presidente da Casa da Hospitalidade, freira Márcia Velina.

Irmã Avelina, diretora da Casa da Hospitalidade: uma complementação

Recursos vão garantir o atendimento de 90 pessoas. Fotos: Fernando Santos

Governador Waldez Góes adiantou que a parceria será renovada no ano que vem

O recurso será repassado durante 8 meses. Cada parcela será de R$ 37 mil. Mais de 90 pessoas abrigadas serão beneficiadas. Em janeiro do ano que vem, o governo anunciou que pretende renovar o convênio.

“Nós somos parceiros de todos esses projetos. Obviamente, que com a mudança na legislação, se pode mais fazer convênio, agora é termo de fomento, e logicamente que se estabelece também aquilo que é objeto de termo de fomento, e levamos algum tempo para ajustarmos essa nova modalidade de parceria. Hoje assinamos esse que é para área social”, informou o governador.

Waldez informou ainda que vai repassar recursos para a infraestrutura e para área da saúde da Casa da Hospitalidade, também por meio de termos de fomento.

“É um passo muito importante, porque não só o governo, mas também toda sociedade precisa ajudar essa instituição que desenvolve um excelente papel”, defendeu o promotor de justiça, Adilson Garcia.

Funcionários e voluntários da Casa da Hospitalidade

Promotor Adilson Garcia: trabalho essencial

A Casa da Hospitalidade também recebe recursos da prefeitura de Santana. 

“Nada mais justo que a gente faça esse tipo parceria com a Casa da Hospitalidade. O município cede 22 servidores para a instituição”, comentou o prefeito de Santana, Ofirney adala (PHS).

Ainda na segunda, a Casa da Hospitalidade do Idoso, anexo da instituição, recebeu alimentos doados durante o Seminário Amapaense de Empreendedorismo Feminino, organizado pela deputado Marília Góes. Foram mais de 400 quilos. 

“Pessoas que se sensibilizaram com a campanha e ajudaram esses idosos que precisam não só de alimentos, mas também de carinho e atenção. Agradeço todas as participantes e colaboradores que contribuíram conosco”, disse. A Casa da Hospitalidade atende 55 idosos.

Deputada Marília com idosos da Casa da Hospitalidade: 55 pessoas atendidas. Foto: Divulgação

Compartilhamentos