Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O comandante do Bope do Amapá, coronel Paulo Mathias, confirmou nesta tarde as mortes de três criminosos num confronto com policiais do batalhão na cidade de Calçoene, a 370 quilômetros de Macapá. O confronto ocorreu na manhã desta quinta-feira (29).

Por enquanto, há poucos detalhes sobre a intervenção que terminou em três óbitos. A comunicação por telefone é ruim com os policiais que estão numa área de mata atrás de outros bandidos.

“Recebemos o áudio de um morador que nos relatou que uma pessoa de motocicleta estava sendo abordada pelos criminosos quando apareceu a nossa viatura”, relatou o comandante.

A vítima seria um empresário. Os bandidos abriram fogo contra a equipe, e três foram atingidos. Eles foram levados para o hospital da cidade, aonde já chegaram mortos.

Outros criminosos conseguiram fugir em um carro e foram perseguidos pelos policiais. Até às 15h, as equipes do Bope continuavam as buscas numa área de mata fechada, a cerca de 10 quilômetros do local onde ocorreu o tiroteio.

Os policiais do Bope estavam em missão de saturação no município de Calçoene, uma estratégia que o batalhão tem adotado no interior do Estado com bastante frequência.

Compartilhamentos