Compartilhamentos

De Santana, FERNANDO SANTOS

Pela segunda vez, a Escola Estadual Augusto Antunes, localizada em Santana, participa do processo de gestão democrática, que consiste na escolha da direção do colégio por meio do voto direto.

No último sábado (10) dois candidatos que concorrem à vaga de diretor da escola participaram de um debate. A professora Ângela Neta disputa o pleito com o professor Nilson Silva. Os dois são do quadro efetivo do Estado.

Professora Ângela Neta: trabalhar para todos os segmentos. Fotos: Fernando Santos

Candidato Nilson Silva: resgate da imagem da escola

O debate ocorreu de forma pacífica e dinâmica. Foram quatro blocos, um deles com a participação direta dos alunos e outro com perguntas entre os candidatos, com direito a réplica e tréplica, como ocorre em eleições tradicionais.

“A gente está nesse processo desde abril, organizando da melhor forma possível e transparente, pautando pela ética moral. No Estado são 4 escolas que participam desse processo, onde a comunidade escolar tem o direito de escolher seus gestores. Aqui em Santana, é somente a nossa escola”, explicou a presidente da comissão eleitoral, professora Alclinéia Góes.

O professor Nilson Silva disse que sua gestão, caso eleito, será pautada no resgaste de pontos positivos do colégio.

“Vamos conduzir com respeito, com muito amor e carinho, respeitando todos os segmentos. Pensando, principalmente, no resgaste dessa grande instituição que foi marco das décadas passadas, e que hoje, infelizmente, ela está fragilizada”, comentou candidato.

Comissão organizadora da eleição, marcada para o próximo dia 14

A professora Ângela Neta garante que sua gestão será conduzida com base no contexto de gestão compartilhada.

“O debate foi muito válido. A minha gestão será pautada na questão da mediação. Porque gestão democrática se faz com mediação. Na gestão democrática, você não dirige só para um grupo, você dirige para todos os segmentos. É dessa forma que vamos conduzir”, garantiu a candidata professora Ângela Neta.

A eleição será realizada, no próximo dia 14 de junho. A comunidade escolar, ou seja, alunos, pais e professores, poderá votar em urnas eletrônicas que serão cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE). Toda a comunidade escolar deve participar.

Compartilhamentos