Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Mil cento e vinte sete pontos de luz foram recuperados em Macapá desde que o serviço de iluminação pública passou para as mãos da prefeitura, em maio deste ano.

O trabalho de manutenção é desenvolvido por seis equipes  que se revezam trabalhando 24 horas por dia em zonas pré-definidas. Estão sendo priorizados no momento bairros periféricos da capital, praças e vias de grande trafegabilidade, como a Avenida Fab, no Centro, e a Rua Claudomiro de Moraes, na zona sul.

A cidade foi dividida em 14 zonas além das três áreas de prioridades já citadas. A Secretaria Municipal de Obras (Semob), que coordena a manutenção, pretende concluir até o próximo dia 23 os serviços na zona 9 que compreende os bairros Infraero II, Ilha Mirim, São José, Jardim Caranã, Brasil Novo, Liberdade, Buritis, Morada das Palmeiras, Residencial Bacabas, Amazonas e Curralinho.

Equipe do Macapaluz trabalha em diferentes frentes. Fotos: André Silva

As equipes estão desde o início da semana no Bairro Açaí, onde serão substituídos mais de cem pontos de luz. Para o autônomo José Carlos Maia, de 53 anos, o serviço vem em boa hora. Ele já perdeu as contas de quantas vezes presenciou pessoas mal intencionadas se aproveitando da rua escura para cometer assaltos.

“Assim eu acredito que fica mais difícil para eles. Espero que esse serviço vá para todos os bairros”, disse Matias.

Trecho da Rua Bacaba, no Bairro Açaí, onde a iluminação foi recuperada

A próxima zona a ser trabalhada será a 10, que compreende os bairros Conjunto Cajari, Parque Lagoa, Irmãos Platon, Goiabal, Marabaixo I, II, III e IV, Bella Ville, Porto do Céu e Coração.

Compartilhamentos