Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

A jovem de 17 anos que estava desaparecida desde o último domingo (4) reapareceu no início da tarde desta terça-feira (6). Ela foi deixada perto de casa, no Bairro Nova Esperança, em Macapá, e estava bastante ferida, segundo informou o pai da moça.

A adolescente apareceu quando já passava do meio-dia. Ela foi deixada em uma viela perto de uma comunidade conhecida como “Ponte do Coqueiro”.

Um morador reconheceu a menina e ligou para a família.

“Ela está bastante machucada pelo corpo e na cabeça”, relatou o pai, Edson Barbosa.

A menina ainda não conversou com a família. Ela chorava muito quando chegou em casa.

A estudante foi levada para a Polícia Técnica do Amapá (Politec) para constatar se houve ou não o crime de estupro. Em seguida, ela foi encaminhada para a Delegacia de Crimes Contra a Mulher (DCCM).

Segundo a família, a menina foi sequestrada na porta de casa no fim da tarde do domingo. No dia seguinte, o pai disse que ela conseguiu ligar para uma amiga informando que estava presa em uma residência.

O pai da garota informou que ela é excepcional, e depende de medicamentos controlados. Ela também não sabe ler e nem escrever, mas tinha uma amiga que estaria digitando mensagens entre ela e um homem que está sendo investigado.

A Polícia Civil ainda não se pronunciou sobre o assunto. Até às 16h30min, a menina continuava sendo atendida na Delegacia de Mulheres. 

Compartilhamentos