Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Empresários e trabalhadores do setor da comunicação no Amapá estiveram reunidos com o ministro das Comunicações, Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab. O encontro ocorreu na tarde desta sexta-feira (16), no Palácio do Setentrião, Centro de Macapá.

O ministro veio ao Estado a convite do deputado federal de seu partido, Marcos Reategui (PSD), para tratar da chegada da internet de banda larga em comunidades ribeirinhas e tradicionais e para conversar com profissionais do segmento de comunicação.

A reunião serviu para tirar as dúvidas do segmento quanto a migração do sinal analógico para digital das TVs e rádios AM e FM e a ampliação da internet no Estado.

Gilberto Kassab, entre o governador Waldez Góes e o deputado Marcos Reategui. Ministro teve encontro com autoridades, empresários e profissionais do setor de comunicação. Fotos: André Silva

A mudança do sinal de analógico para digital no Amapá, ocorrerá em julho de 2018. Em outros estados, o desligamento já começou e o Amapá será um dos últimos estados a se adequar a nova realidade.

Para o ministro, o lançamento em maio deste ano do satélite de propriedade brasileira possibilitará um melhor sinal de internet para o país e vai colocar o Amapá e a região amazônica em uma situação privilegiada.

Entre as principais dúvidas dos empresários e trabalhadores do ramo de rádio estava o desligamento do sinal AM devido a sua relevância social junto a comunidade ribeirinha.

“Essa nova tecnologia vai permitir modelos econômicos mais viáveis para este tipo de transmissão”, respondeu o ministro para os profissionais do rádio.

Josiel Alcolumbre: fase mais difícil do rádio está passando e inovação tecnológica ajudará

O Sindicato das Empresas de Rádio e Tv do Amapá considera que a mudança é um importante avanço para a comunicação estadual, tanto no âmbito social como comercial, apesar do esfriamento do mercado de anúncios que tem sido a grande dificuldade do empresariado local.

“Estamos conseguindo ultrapassar a fase mais difícil e espero que em breve a gente consiga colocar de novo o trem no trilho do desenvolvimento que é onde ele deveria estar, que é o de desenvolvimento e da geração de emprego e renda”, ressaltou Josiel Alcolumbre, presidente do sindicato.

Governador Waldez Góes: momento ímpar de desenvolvimento do setor

Para o governador, Waldez Góes, a nova tecnologia trará importantes mudanças de âmbito  social e no desenvolvimento econômico do Estado.

“É uma conquista ímpar. O processo de desenvolvimento é  condicionado a tecnologia e inovação. O satélite recentemente lançado permitirá não só o Amapá mas toda a Amazônia a se inserir nesse processo”, considerou o Góes.

Compartilhamentos