Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um vigilante que cumpria plantão no Centro de Ensino Profissionalizante no Amapá (Cepa), no Bairro do Buritizal, na zona sul de Macapá, foi surpreendido na noite deste domingo (23) por dois assaltantes. Eles estavam escondidos dentro do centro esperando o melhor momento para agir.

O assalto ocorreu por volta das 20h30min. O vigilante estava sozinho no momento em que foi rendido pela dupla armada com facas.

“Eles estavam escondidos no posto de serviço. Eu fiz uma ronda e não vi. Eu me abaixei para pegar a minha garrafa de água, e quando levantei já foi com a faca no meu pescoço. Eles roubaram o celular e saíram correndo”, explicou a vítima ao portal SELESNAFES.COM. Ele também teve a carteira levada.

“Eles disseram para respeitar ladrão, que eles são melhores que a gente”, acrescentou.

Para a sorte do vigilante, um amigo passava de motocicleta pelo local bem no momento do assalto e ajudou a vítima na perseguição aos criminosos. Logo os moradores da vizinhança se juntaram na caçada pelas ruas do Buritizal.

Menor foi levado para o HE com dois ferimentos. Fotos: Olho de Boto

Um deles conseguiu desaparecer pulando um muro. O outro foi cercado próximo da Escola Estadual Coelho Neto.

O criminoso foi espancado por moradores, e alguém ainda não identificado aplicou uma facada no assaltante que ficou caído no chão perdendo bastante sangue.

“A gente pegou, e ele tava normal aí. Até que passou um rapaz. Roubaram um monte de motocicletas num pagode ontem, e esse rapaz reconheceu ele e deu uma facada”, deduziu o vigilante.

O menor foi levado para o Hospital de Emergência de Macapá (HE), onde passou por cirurgia. Ele foi esfaqueado duas vezes, no pescoço e nas costas. O agressor ainda não foi identificado. 

Compartilhamentos