Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Há algum tempo que os criminosos não aproveitam mais a metade da madrugada, considerada a hora mais profunda do sono, para invadir residências. Algumas ações são feitas perto do raiar do dia, como nesta manhã de terça-feira (4), no Bairro Central de Macapá.

O imóvel alvo dos bandidos fica na Avenida Coriolano Jucá, quase no centro comercial da cidade. Eram 5h quando os moradores foram surpreendidos por três elementos, todos armados.

Eles renderam os moradores, que foram amarrados e trancados em um cômodo da casa. Ninguém ficou ferido.

Enquanto isso, os criminosos reviravam a casa. Eles fugiram levando joias, uma espingarda calibre 20, TV, dinheiro, aparelhos celulares e um videogame. A escapada foi num Fiesta preto, modelo antigo, com um dos faróis queimado.  

Até agora, eles não foram identificados. Os moradores informaram à polícia que os criminosos pularam o muro lateral da residência para acessar a propriedade, e depois arrombaram a porta da sala.

Homicídio

A segunda ocorrência mais grave foi um homicídio no fim da tarde da segunda-feira (3), ocorrido no município de Oiapoque, cidade a 590 quilômetros de Macapá.

O crime foi executado na Avenida FAB, no Bairro Infraero, por volta das 17h30min. Quando os policiais militares chegaram ao local, encontraram um homem caído na rua com um ferimento no peito produzido por arma branca.

Ele foi transportado até o hospital da cidade por uma equipe do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu. Até o início desta manhã, ele ainda não havia sido identificado. Não houve prisões. 

Compartilhamentos