Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O governo do Estado confirmou que já então sendo concluídos os processos de doação de apartamentos para as 431 famílias atingidas pelo incêndio no Bairro Perpétuo Socorro, zona leste de Macapá, ocorrido em 2013. O governador Waldez Góes (PDT) tratou do assunto na última quarta-feira (19) com o ministro da Integração Nacional, Mário Ramos Ribeiro.

A meta é colocar famílias na segunda fase do Macapaba, na zona norte, sem que elas precisem pagar pelos imóveis. Até agora, apenas 131 famílias foram contempladas após articulação da bancada federal e governo do Estado com o governo federal.

O ministro disse ao governador que as 431 famílias receberão prioridade, apesar da redução do quadro de engenheiros e analistas. Até o dia 28 de julho, os pedidos devem estar todos analisados, é o último passo para estarem em conformidade com as regras do Ministério das Cidades. 

“Com essa reunião de hoje, conseguimos um encaminhamento definitivo no âmbito do Ministério da Integração Nacional para estas famílias vítimas daquele trágico sinistro, que têm direito a receber suas casas sem ter de pagar”, destaca Waldez Góes.

Ministério das Cidades disse que vai marcar a data de entrega dos apartamentos do Macapaba II

O governador recebeu a garantia de que, em 24 horas, haverá uma sinalização das etapas do processo dentro do Ministério das Cidades, com a fixação, em conjunto com o Governo do Estado do Amapá, da data para entregar os imóveis.

Compartilhamentos