Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

Morreu na manhã do domingo (9), a jovem Débora Ferreira dos Anjos, de 21 anos. Ela foi a quarta vítima fatal de um incêndio que atingiu uma casa com cinco pessoas da mesma família no dia 15 junho, no município de Santana. Agora só uma menina de 3 anos é sobrevivente da tragédia.

Débora estava internada há 24 dias na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital de Emergências de Macapá. Ela estava em coma induzido e estado grave desde o incidente.

A mãe adotiva de Débora, Josilene Barros, chegou a fazer campanha para arrecadar fraldas geriátricas. Agora as doações estão sendo recebidas no HE apenas para a menina de três anos.

Família estava dormindo quando o fogo começou a se alastrar. Foto: reprodução

A filha de Débora, Daniele dos Anjos, de 3 anos, continua internada no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) com quadro estável. Ela teve queimaduras de segundo grau em 30% do corpo.

De acordo com o diretor do Centro de Tratamento de Queimados (CTQ), o cirurgião plástico Alieksei Melo, a criança respira sem ajuda de aparelhos e reage bem ao tratamento. O risco de morte é basicamente descartado.

Vítimas

Além de Débora, são vítimas da tragédia, o marido e outros dois filhos do casal não resistiram aos ferimentos e morreram dias após a tragédia. A bebê Yasmin dos Anjos, de 2 meses, Moisés dos Anjos, de 2 anos e o pai das crianças Josivaldo César da Silva, de 41 anos.

Causas do incêndio

O Corpo de Bombeiros ainda não concluiu o laudo sobre a causa do incêndio na vila de kitnetes que a família morava. Segundo a tenente-coronel, Arlete Picanço, causas variadas ainda estão sendo cogitadas, mas dependem do resultado da perícia no local.

Compartilhamentos