Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Policiais civis do Pará anunciaram nesta quarta-feira (30) a prisão de Vitor Trindade de Oliveira, de 25 anos. Ele teria asfixiado até a morte o gerente do Banco do Brasil, Rafael Garcia Cruz, de 32 anos, no apartamento onde a vitima morava, no Centro Comercial de Macapá.

A Delegacia Geral de Polícia do Amapá designou dois agentes e o delegado Alan Moutinho para recambiar o preso até Macapá, onde responderá pelo crime que está sendo apurado pelo delegado Ronaldo Coelho, chefe da Delegacia de Homicídios.

Segundo depoimento do menor de 17 anos detido pelo latrocínio, ocorrido na noite de 11 de agosto, Vitor Andrade teria usado um cinto para enforcar o gerente. O menor assumiu ter golpeado a vítima para que ela não reagisse.

Vitor Andrade foi preso por volta das 10h na residência da avó dele, no município de Benevides. Ele estava com um mandado de prisão preventiva decretado pela justiça do Amapá

Depois da prisão, ele foi conduzido para uma delegacia de polícia e depois para um presídio na região metropolitana de Belém.

Compartilhamentos