Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Os governos do Amapá e da Guiana Francesa começarão a discutir nesta segunda-feira (7) a implantação de protocolos de urgência e emergência em saúde na fronteira. A reunião ocorrerá na cidade de Saint Georges, do lado francês.

A principal missão é definir em que circunstâncias ocorrerão transferências de pacientes entre as cidades de Oiapoque e Saint Georges, após o primeiro atendimento.

Na prática, essas situações já ocorrem na fronteira, mas ainda sem uma padronização de procedimentos.

“Pela grande circulação de franceses em Oiapoque e de brasileiros na Guiana, o serviço de urgência e emergência nos dois países precisa ter protocolos, estabelecimento de fluxos e uma boa comunicação para não prejudicar a saúde desses cidadãos se houver necessidade de transferência para dar continuar no tratamento”, explicou a presidente do Comitê Gestor Estadual de Saúde na Região de Fronteira, Silvia Maués.

Compartilhamentos