Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

A coordenação do Círio de Nazaré 2017 abriu mil vagas para voluntários que queiram trabalhar na procissão este ano. O requisito básico para os interessados é ter disposição e boa vontade. 

Segundo a coordenação, em 2016 pouco mais de 800 pessoas participaram como voluntários da maior festa religiosa católica do Amapá, o Círio de Nazaré. Eles atuam em duas frentes de trabalho: no acolhimento de pessoas que chegam para a procissão e no auxílio de distribuição de água, e na Guarda da imagem. 

Joelita Henriques de Almeida: mais um ano participando para agradecer. Fotos: André Silva

As inscrições iniciaram nesta terça-feira (1) e a procura está sendo satisfatória, na avaliação da coordenação da festa. A secretária do Círio, Tainá Santos, diz que para assumir uma das vagas a pessoa precisa ser de bom coração. 

“Que queira disponibilizar seu tempo para a igreja assumindo esse compromisso, apesar de não receber nada com isso. Tem que doar o tempo, a atenção e o esforço físico”, definiu. 

A nordestina Joelita Henriques de Almeida, devota da santa, disse que é o segundo ano que se inscreve para participar da programação. Ela disse que considera a festa muito bonita. Ano passado Joelita, que é assistente social, trabalhou na acolhida. 

Tainá Santos: voluntário tem que ter bom coração

“Desde os meus 12 anos eu sou voluntária na igreja. Ano passado foi bênção sobre bênção e por isso este ano estou aqui para agradecer”, justificou. 

Para ser voluntário ou devoto, a pessoa deve ter a idade mínima de 18 anos e deve apresentar a cópia do documento de identidade, além de pagar uma taxa de R$ 10 (custo da camisa).

A secretaria do Círio está localizada no subsolo da Catedral de São José, com entrada pela Av. Mendonça Furtado, entre as ruas General Rondon e Eliézer Levy. O local funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h; e aos sábados, das 8h às 12h.⁠⁠⁠⁠

Compartilhamentos