Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) do Amapá conseguiram recuperar quase todos os objetos furtados de uma escola de ensino especial do Bairro do Buritizal, no fim da semana passada. Ninguém foi preso.

A apreensão ocorreu na madrugada do último sábado (5), mas somente nesta segunda-feira o batalhão divulgou as informações.

Imagens das câmeras de segurança do Centro de Ensino Especial Raimundo Nonato e denúncias de moradores ajudaram os policiais. Com base nessas informações, a equipe fez diligências na área de pontes do fim da Avenida Diógenes Silva, no Bairro Santa Rita.

“As imagens não têm muita qualidade, mas com uma boa investigação vai dar para chegar nos autores do crime. (…) Vamos passar o número da casa e todas as informações para a Polícia Civil”, informou o tenente Hércules, do Bope. 

Objetos estavam em casa abandonada. Fotos: Olho de Boto

Salas danificadas: uso de drogas

A casa estava abandonada. No imóvel, os policiais encontraram 8 computadores, frigobar, instrumentos musicais, ventiladores e outros objetos levados da escola na madrugada da última sexta-feira (4).

Os criminosos não conseguiram levar todos os equipamentos que haviam separado, e ainda causaram bastante destruição na escola, como portas arrombadas, grades e equipamentos quebrados. Eles ainda deixaram uma assinatura: “É o crime”.

“Acreditamos que pela quantidade de material furtado foram de quatro a cinco criminosos que fizeram o furto. São usuários de drogas que chegam alterados no local e simplesmente quebram tudo”, comentou o tenente.

Os objetos foram devolvidos à escola, que atende crianças e jovens com necessidades especiais, dentre as quais, deficiência visual, auditiva e física. 

Compartilhamentos