Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Oito detentos cavaram um túnel dentro de um banheiro de uso coletivo e conseguiram escapar do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), na noite desta quarta-feira (9).

A fuga foi detectada por volta das 22h, e ocorreu em um dos pavilhões do presídio de segurança mínima, onde cumprem penas em regime semiaberto cerca de 600 criminosos condenados, na maioria dos casos, por roubo e furto.

No semiaberto, eles ficam soltos durante todo o dia, e voltam para as celas no início da noite. No pavilhão onde ocorreu a fuga estão 120 presos, aproximadamente.

Dentro do banheiro do pavilhão eles arrancaram o vaso sanitário, e aproveitaram a terra úmida. Em poucos instantes já haviam feito um túnel com mais de 1 metro de comprimento, o suficiente para sair do pavilhão e acessar o pátio.

Túnel foi cavado em banheiro coletivo das celas do pavilhão

 

As sentinelas não perceberam a movimentação, e os criminosos pularam o muro de pouco mais de 3 metros de altura sem problemas.

“É muito raro isso ocorrer. São presos que estão quase chegando ao fim da pena, e estão prestes a sair. A maioria já têm até trabalho externo, mas outros não se contém e aproveitam para fugir”, comentou o presidente do Iapen, Lucivaldo Costa.

Foi a segunda fuga do semiaberto em 2017. Houve tentativas, mas acabaram sendo frustradas pelas sentinelas nas guaritas. Dos 8 que fugiram, pelo menos um teria sido recapturado no município de Santana, mas a direção do Iapen ainda não tem essa confirmação oficial.

Compartilhamentos