Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Cada vez mais comuns, os assaltos em clínicas médicas e odontológicas preocupam profissionais da área e pacientes, em Macapá. O caso mais recente ocorreu na terça-feira (26). Um falso cliente chegou a sentar na cadeira do odontólogo para depois anunciar o assalto. Por enquanto, apenas o comparsa dele foi identificado porque retirou o capacete para arrumar os cabelos.

O crime ocorreu por volta das 11h, na Avenida Pedro Baião, no Bairro do Trem, área central de Macapá.

O bandido se sentou na cadeira onde um cirurgião dentista fez a avaliação dos dentes dele para depois fazer o orçamento. Ao se levantar da poltrona, o criminoso anunciou o assalto.

“Quando ele viu que as pessoas estavam vulneráveis à má intenção dele acabou efetuando o roubo”, explicou a tenente Annie Monteiro, da Divisão de Comunicação Social da PM.

O criminoso fugiu da clínica levando R$ 200, celulares e um notebook, além de uma motocicleta Pop 100 de um dos pacientes.

A motocicleta foi localizada por policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) momentos após o assalto. O veículo estava abandonado em uma rua do Bairro dos Congós, na zona sul de Macapá. Ela foi apresentada no Ciosp do Pacoval.

Jailson foi identificado nas imagens originais da câmera. Foto: Arquivo policial

Motocicleta roubada de um paciente foi encontrada abandonada. Foto: Olho de Boto

Ao que tudo indica, os criminosos sabiam que a clínica não tinha circuito interno de câmeras. Contudo, imagens de uma câmera da vizinhança mostra a dupla chegando em uma moto, às 10h59min.

O que fica na moto aguardando o comparsa foi identificado pelo Bope como Jailson Arley. Ele só foi identificado porque tirou o capacete. Até agora a PM não anunciou prisões. 

Compartilhamentos