Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Para chamar a atenção da população para as dificuldades vividas por deficientes físicos no Amapá, alunos da Escola Estadual Gabriel de Almeida Café apresentaram a peça ‘Todos pela inclusão’, escrita pelo aluno Lucas Mateus, do terceiro ano do ensino médio. A programação aconteceu nesta terça-feira (26), no Teatro das Bacabeiras, Centro de Macapá.

Peça foi apresentada por estudantes da escola Gabriel de Almeida Café Foto: Arquivo Pessoal

Lucas Mateus é portador de deficiência física. Junto com o professor Welinton Mello, ele deu vida aos personagens da peça, explorando as dificuldades de locomoção no dia a dia.

“Eu queria mostrar as dificuldades vividas por pessoas com deficiência, como a discriminação e a falta de acessibilidade. No início, a peça tinha um outro nome, mas as pessoas acharam que ela estava muito dramática”, lembre o estudante.

Ele conta que já está preparando uma nova peça, agora, com um viés para a valorização da vida, com foco no combate ao suicídio. A nova obra vai levar o nome de ‘A vida vale mais’.

Apresentação ocorreu nesta terça-feira Foto: Arquivo Pessoal

O professor e pedagogo Welinton Mello, que é cuidador e parceiro de Lucas neste projeto, disse que sente muita gratidão por fazer parte dessa história. Foi ele quem teve a ideia de elaborar o projeto e apresentá-lo à direção da escola. Ele atuou como diretor da peça.

“Muito difícil achar palavras para descrever o sentimento de ver tudo pronto e sendo e escutado. Só uma palavra vem à minha cabeça: gratidão”, disse o professor.

Aproximadamente 600 pessoas estiveram presentes no teatro para assistir às diversas apresentações em alusão ao Dia de Luta pelos Direitos de Pessoas com Deficiência, celebrado no dia 21 de setembro.

Compartilhamentos