Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Desde a última quarta-feira (6) os exames de raio-x  no Hospital de Emergência (HE ) estão suspensos. A sala onde acontece os procedimento e onde fica o aparelho passa por readequações de segurança. Os serviços serão normalizados até a segunda-feira (11), segundo a direção do hospital.

Um paciente que não quis se identificar e que está internado, esperando por atendimento, falou que a situação já acontecia há alguns dias.

“Não sou só eu. Tem outras pessoas que chegam aqui procurando atendimento e são mandadas para outro lugar”, reclamou o paciente.

Diretor do HE, Waldir Bittencourt:situação deve ser normalizada na segunda. Foto: arquivo/SN

Para não deixar de atender a população que procura por atendimento no único hospital de emergência da capital, os exames serão realizados pelo Hospital da Criança e do Adolescente (HCA) onde eles já eram realizados.

“A gente precisava readequar a sala para garantir a segurança dos trabalhadores e usuários, mas até segunda ela volta a funcionar em sua plenitude”, afirmou o diretor do HE, Waldir Bittencourt.

Os reparos e readequação da sala já iniciaram. Ao mesmo tempo, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) realizou um processo licitatório e aguarda a entrega de sete aparelhos de raio-x que, além de atender a demanda do HE, também permitirá a ampliação dos serviços na rede estadual.

Compartilhamentos