Compartilhamentos

FERNANDO SANTOS

Em uma solenidade cheia de emoção, centenas de estudantes do Instituto Federal do Amapá (Ifap) acompanharam na sexta-feira, 29, a inauguração oficial da unidade no município de Santana, a 17 quilômetros de Macapá. Autoridades, professores e alunos falaram sobre a importância da educação na segunda maior cidade do estado.

O Ifap conta atualmente com cerca de 700 estudantes matriculados em cursos técnicos de níveis médio e superior. Desde 2011, a instituição vinha desenvolvendo suas funções em prédios alugados.

Prédio tem 12 salas de aulas, laboratórios, auditório, teatro, refeitório e quadra Foto: Fernando Santos

O prédio do instituto conta com 12 salas de aulas, laboratórios, auditório, teatro, refeitório e quadra coberta. O Ifap iniciou seu ano letivo em 2017, mas só agora ocorreu a inauguração oficial. A reitora da instituição, Marivalda Almeida, considera um marco histórico este momento.

“Desde o processo de criação do projeto para a implantação do Ifap no Amapá, temos enfrentado muitas dificuldades. E com o apoio de diversos entes, temos conseguido supera-los. É uma felicidade sabermos que daqui de Santana teremos excelentes profissionais nos diversos segmentos”, disse Marialva.

Marivalda Almeida, reitora da instituição Foto: Fernando Santos

Marlon Gomes, estudante do curso de marketing, diz que, além do funcionamento da unidade, era necessário o aparelhamento para que o conteúdo aplicado fosse assimilado.

“Aqui, a gente tem uma estrutura boa com aulas de qualidade. A gente sabe que não foi fácil a implantação do Ifap. Além disso, era necessário que o local fosse aparelhado com as mobílias. Graças a Deus que vieram recursos que nossos representantes conseguiram e agora o Ifap está inaugurado oficialmente”, ressaltou.

Deputada federal Marcivânia Flexa conseguiu emenda para estruturar espaço Foto: Fernando Santos

Após ter concluído o prédio, o Ifap necessitava de investimentos para a compra de equipamentos. Foram destinados cerca de R$ 399,47 mil em emendas parlamentares da deputada federal professora Marcivânia Flexa (PCdoB), para a finalidade.

“Eu vejo a educação como investimento e não podia ser diferente, pois sou professora. O Ifap precisava da infraestrutura de mobílias e aparelhamento de laboratórios para finalmente ser inaugurado. Hoje, isso está acontecendo e estamos muito felizes, porque sabemos que no futuro teremos aí, muitos santanenses em diversas áreas”, falou a parlamentar.

Também para equipamentos, foram destinados R$ 126 mil em emendas do senador Randolfe Rpdrigues (Rede). O valor total de investimentos para a construção do Ifap/Santana foi de mais de R$ 10 milhões.

Compartilhamentos