Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Um projeto de inclusão de crianças com deficiência está realizando ensaios fotográficos em Macapá. Com mais de setenta fotógrafos voluntários espalhados pelo Brasil, o ‘Estrelinhas’ surgiu com o objetivo de captar em imagens crianças com qualquer tipo de deficiência.

A ideia nasceu em 2014, em Curitiba, com a fotógrafa Viviane Bachega. Ela contou, por telefone, ao Portal SELESNAFES.COM, que a vontade surgiu depois que ela fez uma busca na internet por fotografias de crianças com algum tipo de deficiência, e não as encontrou.

Pequenos são fotografados por profissionais voluntários Foto: Projeto Estrelinhas

“Nessas minhas buscas, raramente via fotos dessas crianças na mídia. Ao perceber isso, fui atrás do motivo. Conversando com pais e outras pessoas, eles me passaram que a fotografia era algo pela qual não podiam pagar, por conta de outras despesas, como medicamentos, deixando a fotografia de lado”, falou Viviane.

A solução que a fotógrafa encontrou foi fazer fotos gratuitamente para crianças de 0 a 12 anos, com deficiência. Ela criou, então, o projeto Estrelinhas. Atualmente, a corrente tem mais de setenta fotógrafos parceiros em todos os estados do Brasil, incluindo o Amapá.

De cada ensaio, dez fotos são selecionadas para o projeto Foto: Projeto Estrelinhas

No estado, o projeto iniciou em setembro. O fotógrafo Everton Gadelha foi o profissional selecionado para representar o Estrelinhas. Ele já realizou três ensaios e a lista de modelos ainda é grande, segundo conta. Gadelha é estudante de jornalismo e especializado em ensaios infantis.

O fotógrafo falou que o projeto pede apenas um ensaio por mês, mas, devido a procura, ele vem fazendo dois. Segundo Gadelha, de cada ensaio, são selecionadas 10 fotos que são avaliadas pelo projeto, e depois publicadas.

Projeto fotografa crianças de 0 a 12 anos Foto: Projeto Estrelinhas

“Sou apaixonado pela fotografia e por crianças, então torna-se fácil para mim, não é um sacrifício, e sim, prazeroso”, falou o fotógrafo.

Para mais informações sobre o projeto, os pais ou responsáveis podem acessar o site www.projetoestrelinha.com.br, ou procurar o fotógrafo no Amapá, através do número (96) 98114 4596.  

Compartilhamentos