Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

No início da tarde desta quinta-feira (30), a prefeitura de Macapá informou que afastou da função de secretário de Educação o promotor Moisés Rivaldo, preso preventivamente na Operação Minamata, da Polícia Federal.

Quem assumirá a pasta, interinamente, será a professora Sandra Casemiro, que já vinha atuando como subsecretária da pasta.

Com cautela, a prefeitura informa que é preciso evitar o pré-julgamento, e que o afastamento permite que Moisés Rivaldo cuide de sua defesa com mais tranquilidade.

A PMM também deixou claro que as denúncias não possuem relação com a função dele na Semed.

“Vale destacar que as acusações se referem a atividades que não têm qualquer vínculo com a Prefeitura de Macapá, com a função que ele exercia na gestão ou com desvio de recursos públicos”, destaca a nota.

“Lamentamos a situação, e, como toda a sociedade macapaense, queremos que tudo seja elucidado o mais rápido possível, e que a verdade e a Justiça prevaleçam”, conclui.

Compartilhamentos