Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Uma pistola que só agora a Polícia Militar passou a ter o direito de usar foi apreendida com um jovem de 25 anos, em uma residência no Bairro Marabaixo II, na zona oeste de Macapá. O calibre é considerado de guerra, e só as Forças Armadas tinham autorização para utilizar.

A prisão e a apreensão ocorreu na Rua 8 do Marabaixo II, depois que o Bope recebeu informações do serviço de inteligência do Ministério Público do Estado, indicando que um jovem estava de posse do armamento. 

Rafael Batista da Costa, de 25 anos, estava saindo de casa e subindo em uma motocicleta quando foi abordado pela equipe do Bope. Ele não ofereceu resistência. 

Rafael Costa ainda não tinha passagem pela polícia. Ele não informou como conseguiu a arma. Fotos: Olho de Boto

Os policiais informaram que apenas o Exército vinha utilizado esse tipo de pistola. 

“Até pouco tempo atrás, apenas as Forças Armadas poderiam usar essa pistola, e só agora foi liberada para que policiais militares possam usar, mas até agora nenhum pedido foi feito”, revelou o tenente Cecílio, que comandou a prisão.

O acusado não disse para os policiais como ele conseguiu a arma e o que ele pretendia fazer com ela. Rafael Costa foi conduzido para o Ciosp do Pacoval, onde foi autuado por posse ilegal de armamento.

“Esse trabalho em conjunto em sociedade, MP e Polícia Militar resultou numa grande vitória. A gente ganha o serviço quando tira uma arma dessa porque é menos um cidadão correndo risco, e até um policial militar”

Compartilhamentos