Compartilhamentos

SELES NAFES

A partir desta quarta-feira (10), a Azul Linhas Aéreas passa a operar no Amapá com o Air Bus A320. O número de voos não aumentará, mas a mudança de aeronave já significará a oferta diária de 56 assentos a mais, o que ajuda a atender uma demanda reprimida pela redução dos voos na malha da Amazônia, em especial para o Amapá. Entretanto, a manutenção do ICMS para o querosene de aviação, no patamar atual, impede um investimento maior.

O Air Bus A320 da Azul pousará em Macapá pela primeira vez às 13h50min procedente de Belém, onde, nesta terça-feira (9), o presidente da Associação Brasileira de Empresa Aéreas (Abaer), Eduardo Sanovicz, recebeu jornalistas do Amapá e os senadores Randolfe Rodrigues (REDE) e Davi Alcolumbre (DEM) para o voo inaugural até Macapá. 

Com a entrada dos 3 Airbus da Azul na região, sai de cena o modelo Embraer 195, que tem capacidade para 118 passageiros. O Air Bus vai transportar 174 passageiros.

O senador Randolfe Rodrigues adiantou que vai reapresentar o projeto de lei que nivela em 12% o querosene de avião para todo o país, desta vez com apoio maior do senador Davi Alcolumbre, que agora também assinará a proposta. 

No Amapá, o tributo é de 25% para o combustível de aviação.

 

Deixe seu comentário
Compartilhamentos