Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Uma mulher foi presa neste domingo (11) ao tentar entrar no Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) para visitar o marido com drogas dentro da vagina. Laurinete Campos dos Santos, de 28 anos, foi flagrada pela agente responsável pela inspeção, por volta das 14h.

De acordo com a polícia, a esposa de detento trazia em sua genitália duas porções, uma de 74 gramas de maconha e outra de 7 gramas de cocaína, envoltas em preservativos. Ao ser descoberta, a própria mulher extraiu o entorpecente de dentro de si.

Laurinete Campos dos Santos visitaria o marido no domingo. Fotos: Olho de Boto

Laurinete Campos dos Santos afirmou que as substâncias seriam entregues ao marido, no Pavilhão F4. Ela recebeu voz de prisão e foi encaminhada para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) para os procedimentos policiais e aguardará audiência de custódia.

Um procedimento administrativo será instaurado contra o esposo da visitante. A Vara de Execução Penal irá determinar a penalidade ao interno.

Delegado Cezar Ávila: a visitante terá que arcar com as consequências do ato ilícito

De acordo com o delegado Cezar Ávila, da Polícia Civil, Laurinete Campos dos Santos informou que era a primeira vez que realizava esse tipo de prática, e disse que o marido havia pedido que fizesse o transporte da droga para dentro da prisão.

“É uma pena, pois é uma mãe de família, tem quatro filhos, um está ainda amamentando. Caiu na besteira de fazer isso e essas são as consequências”, comentou o delegado.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos