Mulher é presa tentando entrar no Iapen com drogas na vagina

Esposa de detento protegia com preservativos femininos duas porções de entorpecentes dentro da genitália
Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Uma mulher foi presa neste domingo (11) ao tentar entrar no Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) para visitar o marido com drogas dentro da vagina. Laurinete Campos dos Santos, de 28 anos, foi flagrada pela agente responsável pela inspeção, por volta das 14h.

De acordo com a polícia, a esposa de detento trazia em sua genitália duas porções, uma de 74 gramas de maconha e outra de 7 gramas de cocaína, envoltas em preservativos. Ao ser descoberta, a própria mulher extraiu o entorpecente de dentro de si.

Laurinete Campos dos Santos visitaria o marido no domingo. Fotos: Olho de Boto

Laurinete Campos dos Santos afirmou que as substâncias seriam entregues ao marido, no Pavilhão F4. Ela recebeu voz de prisão e foi encaminhada para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) para os procedimentos policiais e aguardará audiência de custódia.

Um procedimento administrativo será instaurado contra o esposo da visitante. A Vara de Execução Penal irá determinar a penalidade ao interno.

Delegado Cezar Ávila: a visitante terá que arcar com as consequências do ato ilícito

De acordo com o delegado Cezar Ávila, da Polícia Civil, Laurinete Campos dos Santos informou que era a primeira vez que realizava esse tipo de prática, e disse que o marido havia pedido que fizesse o transporte da droga para dentro da prisão.

“É uma pena, pois é uma mãe de família, tem quatro filhos, um está ainda amamentando. Caiu na besteira de fazer isso e essas são as consequências”, comentou o delegado.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.