Macapá tem 5 homicídios registrados no fim de semana

Em três casos, criminosos usaram arma branca. Nenhum suspeito foi preso até o momento
Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Cinco homicídios foram registrados em Macapá no fim de semana. A violência começou na noite de sexta feira (13),com a morte de Raylan Costa dos Santos,de 19 anos, executado a tiros na Praça da Arena do Zerão, na zona sul da capital.

Já na madrugada e início da manhã de domingo (15), foram registrados 3 mortes. Todas com uso de arma branca, tipo faca e terçado.

Trem

Uma das vítimas foi o jovem Renan Cavalcante dos Santos, de 18 anos. Ele foi lesionado por golpes de arma branca durante uma briga generalizada, na Avenida Diógenes Silva, no Bairro do Trem ,por volta das 4h30 da madrugada de domingo (15).

Renan Cavalcante dos Santos morreu horas depois de ter dado entrada no Hospital de Emergências (HE).

Execução no Marabaixo III. Foto: Olho de Boto

Perpétuo Socorro

Ainda no domingo, Gustavo Oliveira de Souza, de 19 anos, foi ferido a golpes de faca, na Passarela Pará, em área de pontes do Bairro Perpétuo Socorro, na zona leste da cidade, por volta das 6:h30 da manhã.

Gustavo Oliveira de Souza ainda foi socorrido e levado até o HE, porém não resistiu.

Marabaixo III

Flávio Pantoja Nunes, de 21 anos, foi morto com uma facada no peito após uma bebedeira entre amigos, no bairro Marabaixo III. O corpo do jovem foi encontrado em via pública, por volta das 6h da manhã de domingo.

Jovem ferido no Perpétuo Socorro ainda foi levado ao HE, mas não resistiu. Foto: Olho de Boto

Beirol

O último caso foi a execução de Rodrigo Freitas Farias, de 17 anos, por volta das 22h de domingo. O adolescente foi executado com vários tiros, em uma área deserta no Bairro do Beirol, na zona sul. O caso foi registrado pelo portal SELESNAFES.COM.

Em todos os cinco crimes envolvendo homicídios registrados em Macapá durante o fim de semana, ninguém foi preso.

Foto de capa: Olho de Boto

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.