Comércio vai funcionar até 13h no Dia dos Pais

Lojas ficaram abertas até 19h neste sábado (11) e reabrem no domingo (12) às 8h
Compartilhamentos

RODRIGO INDINHO

Neste domingo (12), será comemorado o Dia dos Pais, e a maioria das pessoas busca comprar uma lembrança para agradecer e lembrar de uma figura tão importante na vida. E a procura pelo presente ideal, no centro comercial de Macapá, varia em diversas lojas.

Corrida pelos presentes vai até as 19h deste sábado. Fotos: Rodrigo Indinho/SN

Com o horário de funcionamento de 8h às 19h neste sábado (11), e de 8h às 13h no domingo, os comerciantes oferecem uma grande variedade de produtos para o cliente presentear o paizão. A expectativa dos comerciantes é superar a venda feita no ano anterior.

Segundo Darlene Freitas a movimentação tem sido intensa nos últimos dias

Segundo Darlene Freitas, gerente em uma loja de móveis, eletrodomésticos e eletroeletrônicos, a movimentação tem sido intensa nos últimos dias na busca de produtos para presentear os pais.

Artigos esportivos estão entre os presentes mais procurados

“Os artigos mais procurados são relógios, eletroportáteis, ferramentas, celulares e televisores. Criamos promoções na forma de pagamento para facilitar para o consumidor comprar o presente de seu pai”, falou a gerente.

Natanael Moisés deixou para comprar o presente na última hora: “muito trabalho”

Como a maioria dos brasileiros, Natanael Moisés, de 35 anos, deixou para comprar o presente na última hora, mas justifica o fato. “Ainda não comprei o presente por falta tempo, por causa do trabalho. Então, aproveitei o sábado para visitar as lojas e avaliar os preços, amanhã pode até cair valor. Vamos ver. Mesmo em cima da hora, só não podemos deixar de presentear nosso paizão que muito já fez por nós”, falou o mototaxista.

Servidor público Rafael Ferreira levou a família em busca dos presentes

Já em uma sapataria que vende materiais esportivos, a gerente afirmou que a movimentação ainda é tímida. Mas foi pra lá que Rafael Ferreira, 30 anos, levou a família em busca dos presentes.

Procura foi grande nas lojas do comércio de Macapá neste sábado

“Viemos atrás de produtos para presentear o pai e o sogro. Os preços estão acessíveis. Como são amantes de futebol, pensamos nos presentes esportivos. Sou vascaíno, mas irei presentear os dois que torcem para o Flamengo com camisas do rubro-negro. É dia dos pais, então esquecemos distinção de times presenteando quem a gente gosta”, disse o funcionário público.

Foto de capa: Rodrigo Indinho/SN

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.