Fátima recusa convite para ser vice de Meirelles à Presidência

Convenção do MDB está marcada para o próximo sábado (4)
Compartilhamentos

SELES NAFES

A ex-secretária nacional de Políticas para as Mulheres, Fátima Pelaes (MDB), decidiu declinar do convite para ser a candidata a vice-presidente da República, na chapa do ex-ministro Henrique Meireles.

Nesta quarta-feira (1º), o site O Antagonista chegou a noticiar que Fátima estava confirmada como vice, mas, ao portal SELESNAFES.COM nesta quinta, a ex-deputada federal afirmou que não pretende abandonar a pré-candidatura ao Senado.

“Me senti honrada, mas a minha prioridade é o Amapá”, disse ela.

Fátima Pelaes é a presidente nacional do MDB Mulher e evangélica, por isso, também, o interesse de Meirelles que via nela a oportunidade de arrecadar votos nas igrejas.

No últimos dois meses, Fátima mostrou prestígio no partido ao vencer uma guerra particular com o presidente estadual do MDB, Gilvam Borges, que pretendia neutralizar a pré-candidatura dela.

Em junho, Meirelles esteve no Amapá para se reunir com dirigentes locais do partido. Fotos: André Silva/SN

Gilvam queria ser o único pré-candidato do partido, mas a decisão dele foi anulada pela executiva nacional do MDB.

A próxima batalha de Fátima é para ser confirmada na coligação que apoiará Waldez Góes ao governo. Como cada coligação só pode indicar dois candidatos ao Senado, Waldez terá que escolher entre ela, Gilvam e Lucas Barreto (PTB).

Fátima tem divulgado a convenção do partido, marcada para o próximo sábado (4), às 9h na sede do partido, no Bairro Santa Rita. 

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!