Artista vai expor quadros em museu na França

Augusto Leite vai expor obras que homenageiam o marabaixo, ritmo típico do Amapá
Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

O artista plástico amapaense Augusto Leite foi convidado para expor quadros em um museu, em Paris, na França, de 19 a 21 de outubro. A exposição é organizada por uma jornalista carioca que mora naquele país há mais de 20 anos. Ela faz o evento anualmente em museus abertos e convida artistas, inclusive brasileiros, para exporem seus trabalhos.

A curadora Diva Pavessi é presidente da ONG Cultural Franco-brasileira Divine Productions Internacional, fundada há 23 anos. É por meio desta entidade que ela realiza a exposição usando recursos oriundos da lei de cultura da França.

Diva Pavessi, Celso Lobo e Augusto Leite, na Fortaleza de São José de Macapá. Foto: Arquivo Pessoal

A organização tem lideranças espalhadas por todo o mundo e foi por meio de uma delas, o fotografo Celso Lobo, que ela chegou a conhecer o trabalho de Augusto Leite. O artista amapaense chegou a hospedar Pavessi na sua casa por uma semana.

“Fui apresentado à sociedade pelo fotógrafo paraense Celso Lobo. Ele me contatou e perguntou se poderia guia-los aqui em Macapá, ofereci minha casa e eles aceitaram. O Celso Lobo, que vai para sua segunda exposição, já ganhou vários prêmios em fotografia. Depois de análise de currículo, até certidão negativa da Polícia Federal, fui aceito”, explicou o artista.

Augusto Leite vai expor obras que homenageiam o marabaixo, ritmo típico do Amapá. O evento será a primeira vez que os quadros serão exibidos, pois são obras inéditas.

Foto de capa: Arquivo Pessoal

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!