Governador tem julgamento no STJ suspenso pela 3ª vez

Dos 15 ministros, 8 já votaram e 7 foram favoráveis à condenação do governador
Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) suspendeu pela terceira vez o julgamento do processo contra o governador do Amapá, Waldez Góes (PDT), acusado de reter empréstimos consignados de servidores públicos. A suspensão ocorreu em virtude de um novo pedido de vistas, desta vez do ministro Og Fernandes.

O julgamento foi suspenso em junho e setembro também por pedidos de vistas. Nesta terça-feira (18), cinco ministros já haviam votado pela condenação do governador quando houve o novo pedido de mais prazo para analisar o processo.

Do total de 15 ministros do STJ, 7 votos foram desfavoráveis e apenas um favorável ao governador, do ministro Benedito Gonçalves. A favor da condenação estão os ministros João Otávio de Noronha, Raul Araújo (relator), Nancy Andrig, Humberto Martins, Jorge Mussi, Herman Benjamim e Luís Felipe Salomão. 

Waldez é réu em processo movido pelo MPF. Fotos: Arquivo/SN

Não foi marcada uma nova data para a retomada do julgamento, mas com a suspensão de hoje a tendência é de que o processo só retorne à pauta no ano que vem.

A ação é movida pelo Ministério Público Federal. A defesa de Waldez Góes nega as acusações e informou que ele continuará trabalhando para provar a inocência.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!