Idoso que teria “relação” com menina de 12 anos é preso por pedofilia

Segundo a Polícia Civil, acusado usava brinquedos para atrair vítimas
Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Em Tartarugalzinho, município a 230 quilômetros de Macapá, a Polícia Civil prendeu, na manhã desta quinta-feira (13), um homem de 60 anos acusado de pedofilia.

O cumprimento do mandado de prisão preventiva é parte da segunda etapa da Operação Juventude Segura, que acontece em parceria com o Ministério Público e o Conselho Tutelar de Tartarugalzinho.

De acordo com a investigação, o idoso teria uma relação, supostamente amorosa, com uma menina de 12 anos e teria abusado de outras crianças. 

Equipe da Polícia Civil, Ministério Público e Conselho Tutelar na operação Foto: Polícia Civil AP

Segundo o delegado Felipe Vieira, o preso usava brinquedos e roupas infantis para atrair as vítimas. Os objetos usados pelo infrator foram apreendidos e apresentados na delegacia.

Em maio deste ano, ele chegou a ser preso em flagrante, também por pedofilia, mas em seguida foi solto. 

“Penso que a prisão antes da condenação é uma medida extrema. Mas nesse caso provou ser a única maneira de preservar essas crianças, de 10 a 12 anos de idade”, disse o delegado Nícolas Bastos. 

Os delegados pedem que possíveis outras vítimas do criminoso, bem como seus familiares, compareçam na Delegacia de Tartarugalzinho para reconhecimento e denuncia.

Foto de capa: Polícia Civil AP

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!