Autora de perfil fake usado em ataques no Amapá é identificada

Mulher usava perfil falso para ofender e expor vítimas
Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Foi identificada pela Polícia Civil do Amapá uma mulher, de 24 anos, que proferia palavras ofensivas contra outras mulheres na rede social Facebook, usando um perfil falso.

Ela foi intimada a comparecer na 6ª Delegacia de Polícia da capital e confessou a prática. A conta usada para realizar os ataques foi cancelada.

Conta usada para xingamentos Imagens: divulgação/PC-AP

 

Em uma das postagens, acusação de envolvimento com homens casados

De acordo com o delegado Leandro Leite, que investigou o caso, a infratora teve rastreado pela Unidade de Informática os IPs e os servidores dos computadores de onde agia. Na conta, a criminosa fazia postagens com palavrões e xingamentos às vítimas, duas delas de 24 e 15 anos de idade.

Após depoimento, conta foi apagada

“Com o avanço da tecnologia e da comunicação virtual, cada dia é mais comum que as pessoas pratiquem ofensas por meio da internet e a Polícia Civil tem se preparado para o enfrentamento desses crimes”, destacou o delegado.

Delegado Leandro Leite: infratora foi rastreada pela Unidade de Informática

Em conversa com o portal SelesNafes.com, uma das vítimas, que preferiu não se identificar, declarou que pretende processar a responsável pelo perfil falso e que não sabe dizer a motivação para os ataques virtuais, por não conhecê-la.    

A pena para o crime de difamação por meio da internet é de detenção de três meses a um ano e multa.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.