Marabaixo I: moradores usam WhatsApp para se proteger de furtos

Outra medida será cobrar rondas da PM no bairro e solicitar iluminação pública a prefeitura de Macapá
Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Os moradores fazem as contas. Em menos de um mês, pelo menos quatro furtos a residências foram registrados. O mais recente, ocorreu na sexta-feira (04). O proprietário da casa, que prefere não ser identificado, mora na Segunda Avenida, do Marabaixo I e conta que a invasão ocorreu no fim da tarde, quando a família saiu para ir à academia.

Bandidos, entraram pelos fundos do quintal de uma casa em construção, pulando um muro de mais de dois metros. A janela da residência da vítima foi arrombada, mesmo com um pitbull amarrado na área de serviço.

Foram levados dois televisores de 42 polegadas, celulares, R$3,5 mil reais em dinheiro e um refrigerante de dois litros que estava na geladeira.

Moradores cobram mais rondas da PM no bairro Foto: arquivo SN

Em 2017, num caso mais grave uma família foi feita refém. Os filhos do casal foram ameaçados com um revolver e um deles foi espancado. Depois do episódio, a família mudou de bairro.

Há algum tempo, os moradores criaram um grupo de Whatsapp, para falar de movimentações suspeitas nas ruas, relatar problemas e compartilhar informações. Agora a ferramenta deve ser usada também para o compartilhamento de fotos de veículos suspeitos e pessoas estranhas que circulam nas vias que muitas vezes ficam paradas observando a rotina das famílias.

“Nosso objetivo não é expor ninguém, a intenção é dividir a dúvida e deixar todo mundo atento”. Esclareceu uma administradora do grupo do aplicativo.

Os moradores marcaram para o dia 10 de janeiro, às 20 horas, uma reunião, onde serão convidados representantes da Unidade de Policiamento Comunitário, UPC, que funciona na escola Nilton Balieiro, No Marabaixo 2. A reivindicação é que sejam realizadas rondas no Marabaixo I. Um oficio será encaminhado à prefeitura de Macapá, convidando para a reunião e solicitando iluminação pública. Muitas lâmpadas estão queimadas. Há pouco iluminação, na Rodovia Duca Serra, no perímetro da entrada do Marabaixo I , onde estão ocorrendo muitos assaltos à noite.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.