Chamada de emprego tem mais de 30 vagas; confira

Profissionais estão sendo contratados para diversas áreas do Hospital de Amor, administrado pelo Hospital do Câncer de Barretos
Compartilhamentos

Por SELES NAFES

O Hospital de Amor Macapá, administrado pela rede do Hospital do Câncer de Barretos, divulgou chamada de emprego para contratar profissionais para atuar em diversas áreas da unidade. O início de funcionamento do hospital está previsto para abril.

Nesta primeira etapa, serão contratados pouco mais de 30 profissionais, com meta de chegar a 50 ainda este ano. Foram abertas vagas para:

Assistente administrativo

Assistente social

Auxiliar administrativo

Auxiliar Operacional de Hotelaria

Auxiliar de Supervisão Técnica

Controlador (a) de acesso

Telefonista

Copeiro (a)

Enfermeiro (a)

Farmacêutico (a)

Motorista de carreta

Técnico (a) em enfermagem

Técnico (a) em radiologia

Os currículos precisarão ser enviados para o e-mail curriculo.macapa@hcancerbarretos.com.br até o próximo dia 19 de fevereiro. Além dos dados pessoais e informações sobre qualificação e experiência, os candidatos precisarão indicar nos currículos a vaga pretendida.

Ex-deputado federal Marcos Reátegui: Estado ainda precisa repassar pacientes por meio de convênio. Foto: Meio Mundo Produções

Convênio

A previsão é de que o hospital comece a funcionar no início de abril.

“Como haverá uma busca ativa pelos pacientes em tratamento contra o câncer, é preciso primeiro que o governo do Estado assine o convênio repassando esses pacientes para o hospital, mas isso ainda depende de um parecer da Procuradoria-Geral do Estado”, explica o ex-deputado federal Marcos Reátegui (PSD), voluntário do hospital e autor da maioria das emendas que resultaram na construção do Hospital de Amor.  

O complexo está construído na Rodovia Norte-Sul, e foi inaugurado no fim do ano passado. As atividades do hospital para 2019 estão garantidas com R$ 4 milhões liberados pelo governo federal no fim do ano, a pedido do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP). O restante das verbas de custeio sairá do SUS, o que corresponde a 25% do total. 

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!