Médica, psicóloga e taxista morrem em acidente na BR-210

As vítimas são a médica Maria Janilde Verde Reis, de 75 anos, da psicóloga Adalgisa Martins, de idade não revelada e do taxista Acivaldo Rabelo Dias, de 60 anos.
Compartilhamentos

Por DA REDAÇÃO

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou os nomes das três vítimas fatais do acidente com o veículo que caiu numa ribanceira no Km-157, na BR-210, próximo a comunidade de Cupixi, no município de Porto Grande, no final da tarde de sexta-feira (8).

As vítimas são a médica Maria Janilde Verde Reis, de 75 anos, a psicóloga Adalgisa Martins, de idade não revelada, o taxista Acivaldo Rabelo Dias, de 60 anos. O filho do motorista, Acivaldo Rabelo Dias Filho, de 28 anos, era o quarto ocupante do carro e conseguiu se salvar.

A psicóloga Adalgisa Martins

De acordo com o 7° BPM, que atendeu a ocorrência, o único sobrevivente relatou que ele e seu pai faziam o transporte das duas médicas de Macapá para a Serra do Navio num táxi. Um buraco na estrada fez o veículo derrapar e cair da ribanceira.

A psicóloga Adalgisa Martins havia chegado do Rio de Janeiro para comemorar, neste sábado (9), o aniversário da amiga Maria Janilde.

O Corpo de Bombeiros Militar (CBM) e Polícia Rodoviária Federal (PRF) estiveram no local para auxiliar na concorrência. A Polícia Técnico-Científica (Politec) também esteve no local e fez a remoção dos corpos para Macapá.

Acidente na Capital

Em outro acidente de trânsito, desta vez na capital, a vítima permanecia sem identificação nesta sexta-feira (8).

Neste caso, o homem sem documentos foi levado para o Hospital de Emergência de Macapá (HE) com múltiplas fraturas pelo corpo. A suspeita é de que ele tenha sido atropelado. Ele foi encontrado na Rua Hamilton Silva, já inconsciente, por moradores que acionaram o Samu, e morreu ainda pela manhã. O corpo foi removido pela Polícia Técnico-Científica do Amapá (Politec).

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!