Tragédia no CT do Flamengo: amapaense parte do elenco está abalado, diz família

Jovem atleta não estava no alojamento no momento do incêndio
Compartilhamentos

Por JÚLIO MIRAGAIA

O jovem jogador de futebol amapaense Gustavo Maia, o “Guga Maia”, de 14 anos, é parte do elenco dos jogadores adolescentes da base do Flamengo. Na madrugada desta sexta-feira (8), um incêndio atingiu o Centro de Treinamento do clube, o “Ninho do Urubu”, e deixou 10 pessoas mortas e 3 feridas.

Guga reside com o pai na capital carioca em um apartamento e não dormia no alojamento no momento em que o acidente ocorreu.

Guga Maia (primeiro da direita pra esquerda) e os colegas da base do Flamengo Fotos: reprodução/página Guga Maia

O Portal SelesNafes.com conversou com o tio do jogador, Umberto de Souza, que relatou que o garoto está abalado com a tragédia e não saiu de casa.  

“Não conseguiu levantar da cama, assistindo a televisão e vendo os amigos, se trancou. Ele está em luto. Treinava com as vítimas todos os dias, viajavam juntos para torneios, então é complicado”, disse Souza.

Amapaense mora com o pai no RJ e não estava no alojamento

Guga Maia joga como meia-atacante e é o camisa 10 do elenco. Ele chegou ao Flamengo há um ano, após ter competido pelo Vasco desde que chegou ao Rio de Janeiro, há quatro anos. 

Guga Maia integra o elenco do time da Gávea há um ano

Ao sair do time de São Januário, em 2018, chegou a ser sondado por outras equipes, como Corinthians, Santos e Fluminense, mas decidiu aceitar a proposta do Flamengo, onde já disputou diversas competições. 

No Amapá, o garoto jogou nas categorias de base de Ypiranga e Trem.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!