Após bandidos quebrarem pela 3ª vez vitrine de loja, empresário desabafa

Polícia teve acesso a câmeras de segurança que ajudarão a identificar infratores
Compartilhamentos

Por RODRIGO INDINHO

Ficou algo rotineiro lojas serem arromabadas por usuários de drogas no Centro Comercial de Macapá. Mais uma vez, o alvo foi a loja Palácio dos Esportes que teve a vitrine quebrada e alguns objetos subtraídos. O crime aconteceu por volta de 4h da madrugada desta terça-feira (12), na Alameda Francisco Serrano.

Empresário Marcos Cardoso: alarme impediu ladrão de entrar, mas prejuízo ficou. Foto: Rodrigo Indinho

 

Vidraça foi quebrada pela terceira vez

Segundo o empresário Marcos Cardoso, é a terceira vez que isso acontece no estabelecimento. O último caso teria acontecido em 2017. Ele conta que, assustado com o alarme, o ladrão esqueceu até seus assessórios na loja.

“Tudo indica que tenha sido um flanelinha usuário de drogas, ele esqueceu uma mochila, flanela e um short. Ele deve ter levado algumas coisas da vitrine. Não conseguiu entrar porque o alarme tocou. Tem só a marca do pé dele ali na cadeira”, conta.

Criminoso abandonou flanela e mochila no local

O empresário falou ainda do prejuízo que isso gerou e que tomará medidas de segurança.

“Meu maior prejuízo é a vitrine, que esse blindex não vende a pronta entrega em lugar algum. Vou ter que fazer um tapume e reforçar a segurança, isso gira entorno de R$ 5 mil. Sinto-me muito mal, trabalhamos pra dar nosso melhor e essas pessoas que não tem o que fazer fazem isso. Lamentável, não consigo nem dormir direito com essa insegurança”, finalizou.

prejuízo de R$ 5 mil com ato de vandalismo

Uma equipe do 6° BPM foi acionada e já teve acesso aos vídeos do estabelecimento e das redondezas. Diligências estão sendo realizadas para capturar o infrator. Até esta publicação ninguém havia sido preso.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!