Fiéis usam sacolas para não sujar ruas durante procissão de São José

Devota de São José, Maria Raimunda Guedes do Nascimento, de 77 anos, estava descalça, pagando uma promessa, e com as sacolas para não deixar lixo nas ruas
Compartilhamentos

Por RODRIGO INDINHO

Fiéis que participaram da procissão em homenagem a São José pelas ruas e avenidas de Macapá, mostraram um belo exemplo de conscientização. Durante a peregrinação, eles recolheram o lixo que seria deixado no trajeto.

Tradição e fé: procissão reuniu milhares de fiéis mais uma vez

Nesta terça-feira (19), quando é comemorado o dia do santo intercessor dos trabalhadores e das famílias, milhares de pessoas fazem homenagens. A data é considerada feriado estadual no Amapá.

Bispo do Amapá, Pedro José, conduziu a cerimônia

A programação em homenagem ao santo padroeiro da cidade de Macapá, do Estado do Amapá e da Diocese começou há cerca de um mês. Neste ano, o tema “São José, guarda os filhos da Amazônia, como guardaste Jesus e Maria!” propõe a preservação e valorização da Amazônia.

Ruas ficaram limpas, sem as garrafinhas de água que sempre são deixadas para trás

Hoje, a programação começou às 7h30, com missa solene na catedral, conduzida pelo bispo Dom Pedro José Conti, e outros padres. Antes da procissão seguir até a Paróquia Jesus de Nazaré, os fiéis receberam sacolas para pôr o seu lixo produzido durante o trajeto e manter as vias limpas.

 

Milhares de religiosos participaram da procissão desta manhã de terça-feira

Devota de São José, Maria Raimunda Guedes do Nascimento, de 77 anos, estava descalça, pagando uma promessa, e com as sacolas que foram distribuídas.

Devoção: fiéis cercam imagem na saída da procissão

“Se continuar todo tempo assim, com toda pessoa recolhendo seu lixo e tiver consideração, a cidade não fica suja. Esse momento é glorioso. Acredito primeiro no Pai. Estou pagando uma promessa de um neto que estava doente e se curou. Que São José abençoe a todos que estão enfermos e que se levantem”, disse.

Quem também participou da festa foi Maria dos Anjos, de 69 anos, que desde criança faz questão de carregar a imagem do santo. Ela falou da emoção do momento.

Maria dos Anjos, de 69 anos, desde criança faz questão de carregar a imagem do santo

“Participo todos os anos da missa e ajudo a carregar a imagem do santo na procissão. Tenho muita fé em São José, sou devota a vida toda. Sempre fui muito feliz nesse dia de comemoração, é inexplicável e emocionante”, afirmou.

Programação

Já na quadra da Paróquia Jesus de Nazaré desde às 10h acontece a festa dos devotos, com shows de artistas locais, venda de comidas típicas, sorteio de prêmios e leilões. À tarde, ocorre a carreata que leva a imagem para a Catedral de São José, onde, às 19h, terá a missa de encerramento da programação.

Fotos: Rodrigo Indinho/SN

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.