Poucos visitantes prestigiam os 237 anos da Fortaleza de São José de Macapá

Até as 13h, era fraca a presença do público no monumento
Compartilhamentos

Por RODRIGO INDINHO

Foi tímido o movimento de visitantes durante a manhã desta terça-feira (19), na programação que comemora os 237 anos de fundação da Fortaleza de São José de Macapá.

Fraca movimentação neste Dia de São José

Até as 13h, era fraca a presença do público no monumento, que este ano concorre ao título de Patrimônio Mundial, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

 

Poucos visitantes até as 13h

A aposentada Jesus Batista da Silva, de 76 anos, que nasceu no interior do Pará e mora há 40 anos em Macapá, nunca havia ido à Fortaleza. Com o grupo de amigas da igreja, ela participou da programação que celebra o aniversário de fundação (1782) do monumento. Ficou encantada com o maior símbolo do Amapá.

Com o grupo de amigas da igreja, Jesus participou da programação que celebra o aniversário de fundação (1782) do monumento

“Moro no Novo Buritizal, sempre tenho muitos afazeres e nunca deu para visitar. Hoje é minha primeira vez e é lindo, uma benção de Deus. Gostei muito e pretendo voltar mais vezes com certeza”, disse a aposentada.

Bolo foi cortado e servido para visitantes, ao som de música regional

Durante a manhã, um bolo foi cortado e servido para visitantes, ao som de música regional. De folga do serviço de motorista de carreta, Márcio Alessandro, de 41 anos, resolveu passear com a família e aproveitar para fazer umas fotos.

Márcio foi passear com a família e tirar fotos

“Gosto sempre de passear com a família e hoje é um dia especial, Dia de São José. Como é minha folga viemos fazer umas fotos já que o ambiente está calmo, tranquilo e sem movimento. Eu prefiro assim e estou gostando do ambiente, mas pode melhorar”, disse.

 

Monumento completou 237 anos nesta terça-feira

Pela tarde, haverá uma programação diversificada com aulas de danças como zumba, axé, dance e outros; além atividades lúdicas, esportivas e de lazer. As atividades ocorrerão no anfiteatro da Fortaleza.

Falta de cuidados

O portal SelesNafes.com identificou que mesmo sendo um dia de festa, a sala onde ocorre a exposição “Macapá Através dos Tempos”, com fotos antigas da cidade, está escura, devido a um problema na iluminação.

Mato começa a tomar conta do entorno da Fortaleza

O entorno da Fortaleza de São José de Macapá está coberto por mato. O ambiente interno passa por um processo de adaptação através de reformas.

Fortificação carece de cuidados

Fotos: Rodrigo Indinho/SN

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.