Internos do Iapen aprendem profissões pelo Pronatec

Reeducandos participantes podem adquirir conhecimentos de uma nova profissão.
Compartilhamentos

Por DA REDAÇÃO

Oportunidades de aprender uma profissão e poder ter uma vida longe de crimes depois do cumprimento da pena tem sido proporcionada a internos do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), desde 2018.

As atividades iniciaram no mês de outubro e já formaram mais de 200 internos, que aprendem uma profissão através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Atualmente 14 cursos profissionalizantes são disponibilizados. Os que mais despertam o interesse são: Pedreiro, Auxiliar de Transporte e Distribuição de Cargas, Gesseiro, Eletricista Predial de Baixa Tensão, Pintor de Obras Imobiliárias, Arrumador e Conferente de Carga.

“Nosso objetivo é proporcionar à pessoa presa uma possibilidade de mudança de vida, de aprender um novo ofício através da educação e oportunizar um trabalho honesto que possa contribuir com a sociedade quando estiver em liberdade”, afirmou o coordenador de Tratamento Penal do Iapen, José Antônio Nunes.

A última turma se formou no fim de março e a coordenação já prepara mais um ciclo de cursos.

Foto: Ascom/Iapen

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.