Líder de facção foge de hospital particular após cirurgia em Macapá

Sávio Vieira pagou R$ 6 mil pelo procedimento, por isso ficou internado em um apartamento de frente para a rua Marcelo Cândia.
Compartilhamentos

Da REDAÇÃO

O líder de uma facção criminosa que atua dentro e fora das cadeias amapaenses está solto. Ele conseguiu escapar de um hospital particular de Macapá, na madrugada deste sábado (18), após passar por uma cirurgia. Sávio Maciel Vieira, o Beco, de 24 anos, fugiu do Hospital São Camilo, localizado no bairro Santa Rita, região central da capital.

Condenado por tráfico, roubo e homicídio, segundo a polícia, ele é um dos criminosos mais temíveis do estado. Sávio Vieira é envolvido na morte do empresário Edival Fernando Coelho de Queiroz, de 40 anos, morto com seis tiros dentro de casa, num condomínio do bairro Pacoval, em fevereiro de 2013, em Macapá. Fernando era sócio da empresa de vigilância LMS.

Segundo a polícia, ele é um dos criminosos mais temíveis do Estado. Fotos: Divulgação

O portal SelesNafes.com apurou, junto à uma fonte de dentro do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), que a fuga ocorreu por volta 1h40. Sávio estava no hospital desde o início do dia, para uma cirurgia de retirada de uma munição alojada há muitos anos em um dos joelhos. Ele pagou R$ 6 mil pelo procedimento.

De acordo com o que foi apurado pelo Portal SelesNafes.com, Sávio é importante para a hierarquia da organização criminosa que lidera, por isso, o Iapen redobrou a vigilância e colocou dois agentes para vigiá-lo, armados com munição extra. A escolta estava preparada para uma tentativa de resgate, ou mesmo de assassinato do preso.

No entanto, o perigoso Sávio escapou da forma menos provável. Mesmo operado do joelho há poucas horas, ele teria saltado do primeiro andar, pela janela do apartamento onde estava em observação clínica. A altura é de, aproximadamente, 3 metros.

Segundo a versão obtida pelo portal SN, os agentes ficaram do lado de fora da ala do apartamento, enquanto a irmã do preso estava do lado de dentro como acompanhante. Ele teria conseguido abrir as algemas, sair pela porta do apartamento e saltar.

Segundo fonte do Portal SN, Sávio estava em observação médica nesta ala, de frente para a rua Marcelo Cândia

O portal SelesNafes.com conseguiu uma imagem da ala onde Sávio estava em observação clínica após a cirurgia. O corredor fica de frente para a Rua Marcelo Cândia, principal via de acesso ao hospital. Depois de pular, Sávio teria corrido até um carro estacionado bem em frente, que estava à sua espera, consolidando a fuga.

Os dois agentes que estavam na escolta comunicaram, ainda na madrugada, o caso, no Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do bairro Pacoval. A Polícia Civil vai investigar se a irmã de Sávio colaborou na fuga. Da mesma forma, a Corregedoria do Iapen também vai conferir a versão dos agentes.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!