Polícia procura 2º agressor acusado de matar estudante; VÍDEO

Principal acusado se apresentou hoje, e negou participação no crime
Compartilhamentos

Por SELES NAFES

O principal acusado de assassinar um estudante no município de Santana, cidade a 17 km de Macapá, no último fim de semana, negou participação no crime, e ainda acusou outra pessoa que também está sendo procurada.

Alan Kennedy de Castro se apresentou à polícia nesta terça-feira (14), enquanto amigos e parentes da vítima faziam um protesto por justiça. Aurelian Penha, de 25 anos, que estudava inglês, foi morto com pelo menos quatro facadas após uma briga em um estabelecimento 24h, no início da manhã do último sábado (11).

O acusado negou a autoria do homicídio, e responsabilizou outro jovem que ainda não foi identificado. A Polícia Civil do Amapá não acredita na versão de Alan Kennedy, mas admite que houve a participação de um segundo agressor.

A polícia divulgou um vídeo que mostra esse segundo acusado. Ele está de camisa preta e calça jeans.

“Aos 34 segundos do vídeo, ele aparece correndo atrás da vítima. Aos 58 segundos, ele retorna correndo em fuga. A imagem não é tão boa, mas quem o conhece pode ajudar”, explica o delegado Victor Crispin Vinagre, que investiga o homicídio.

Parentes pediam justiça enquanto Alan Kennedy se apresentava na delegacia. Foto: Rodrigo Indinho

Aurelian Penha morreu com pelo menos 4 facadas. Foto: Reprodução

De acordo com o delegado Victor Crispin, Alan Kennedy e o segundo acusado desferiram as facadas na vítima.

 “(…) Uma testemunha viu esse que ainda não foi identificado dando duas facadas, e depois veio o Alan Kennedy dando mais duas facadas”, explicou o delegado.   

Apesar de negar a autoria do homicídio, Alan Kennedy teve a prisão decretada a pedido da polícia. Ele foi indiciado e encaminhado à Penitenciária do Amapá.

Quem tiver informações sobre a identidade e o paradeiro do segundo acusado poderá ligar para 98101-0331

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.