Dupla é presa com 1,5 kg maconha e notebook doado pelo governo

Apartamento era usado como ponto de venda de drogas por dupla presa pela Rotam
Compartilhamentos

Por OLHO DE BOTO

Em um apartamento que servia como boca de fumo, no Conjunto Macapaba, na zona norte de Macapá, policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) apreenderam cerca de 1,5 kg de maconha, na manhã desta terça-feira (17).

Além dos entorpecentes, chamou atenção dos militares da Ronda Ostensiva Tática Motorizada (Rotam) a presença no imóvel de um notebook, que havia sido distribuído pelo governo federal a professores da rede estadual.

Notebook, tablete de maconha, dinheiro e objetos apreendidos. Fotos: Olho de Boto/SN

Os dois moradores do apartamento, localizado na Quadra 3 do habitacional, foram presos. Denúncias anônimas indicavam à PM de que o local serviria como ponto de comercialização de entorpecentes. A dupla foi identificada como Diogo Rodrigues Barbosa, de 18 anos, e Lucas de Souza Ferreira, de 22 anos.

De acordo com o tenente Cecílio, da Rotam, os acusados tinham escondido um tablete da maconha no roupeiro de um quarto em uma sacola vermelha e mais uma porção em outra sacola. Uma parte da droga estava ainda sendo embalada em porções menores. O notebook pertence a uma professora de uma escola do município de Tartarugalzinho, e há suspeita de que o objeto tenha sido obtido por furto ou roubo. 

Tenente Cecílio (Rotam): após denúncia, droga foi encontrada em apartamento

“A comunidade confia no trabalho do Bope e garantimos o direito ao sigilo da fonte. Fomos checar e obtivemos êxito na prisão dos infratores. Lá é um ponto de comercialização e há uma movimentação intensa no local. Encontramos também relógios e cordões”, disse o policial.

A dupla foi encaminhada ao Ciosp do Pacoval e, ao ser feito levantamento de ambos, foram descobertos antecedentes criminais por roubo.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!