PF age contra exploração sexual infantil no Amapá e outros 7 Estados

Buscas são por provas de pedofilia, abuso e exploração sexual em computadores e arquivos digitais. No Amapá, foi cumprido um mandado de busca e apreensão em Macapá. Esta foi a quinta fase da operação.
Compartilhamentos

Da REDAÇÃO

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (4), a 5ª fase da Operação Luz na Infância para identificar autores de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet.

A ação é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, a partir do Centro Integrado de Comando e Controle Nacional, em Brasília (DF).

Desta vez, foram 17 alvos no Amapá e outras sete unidades da Federação: Paraná, Santa Catarina, Amazonas, Maranhão, Alagoas, Rio Grande do Norte e Rio de Janeiro. Segundo nota divulgada pela PF, 80 policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão nos Estados.

Veja os números da Operação até a 5ª fase. Info: PF

No Amapá, a ordem judicial foi cumprida em Macapá, em busca de arquivos com conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual de crianças e adolescentes.

Com esta 5ª fase, a Operação já atingiu 105 alvos em 11 estados brasileiros e, ainda, nos Estados Unidos, Panamá, Paraguai, Chile, Equador e El Salvador. Toda a ação iniciou-se em outubro de 2017, quando foram apreendidos 157 computadores e arquivos digitais e 108 pessoas foram presas.

Em seguida vieram os desdobramentos com as fases 2, 3, 4 e 5, deflagrada nesta quarta-feira (4). Desde o início, a Operação Luz na Infância já pendeu 546 pessoas e apreendeu mais de 312 mil arquivos digitais e físicos de pedofilia.

Foto de capa: Divulgação/PF

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!