Em Macapá, bando quebra o muro e saqueia escola no Dia do Professor

Testemunhas contam que saques e invasões à unidade de ensino são constantes e que bando usa local para consumir drogas
Compartilhamentos

Por RODRIGO ÍNDIO

Nesta terça-feira (15), nem o feriado em homenagem ao dia dos professores livrou a Escola Municipal Maria dos Santos Ferreira das frequentes ações de vândalos. Segundo moradores, as invasões são provocadas pela falta de segurança na instituição, localizada no bairro Araxá, zona sul de Macapá.

Vândalos reviraram salas de aula…

 

… e depredaram prédio da escola. Fotos: reprodução

 

PM olha pelo buraco feito pelos infratores. Foto: Rodrigo Índio/SN

Desta vez o bando fez um buraco no muro que fica atrás da escola, invadiu o prédio, quebrou portas e telhados e saqueou o local. Um morador do entorno que preferiu não se identificar contou que os roubos e invasões na escola se tornaram rotineiros. Ele detalha que se trata de um grupo de garotos que dizem integrar facções criminosas.

“Tenho quase certeza que foi pela manhã. Eles invadem aí para ter com que fumar drogas. Agora que a polícia veio aqui eles sumiram, mas logo mais vão retornar. Os caras não respeitam as crianças que estudam aí. Queremos uma medida de segurança para nossa comunidade escolar. Já pensou se invadem aí quando tiver cheio? Não quero nem pensar, mas acho que estão esperando acontecer o pior para tomar alguma medida só pode”, desabafou.

Comunidade relata que invasões são constantes

Quando o portal SelesNafes.com chegou à escola uma equipe do 1° BPM atendia a ocorrência, mas não teve acesso à área interna da instituição que estava trancada. Segundo pais de alunos a diretora esteve horas antes no prédio e teria ido registrar boletim de ocorrência.

Equipe do 1º BPM fez buscas por criminosos. Escola fica ao lado de área de ponte. Foto: Rodrigo Índio/SN

A reportagem contatou a Secretaria Municipal de Educação (Semed) para saber o que de fato foi levado e que medidas de segurança serão tomadas para evitar as invasões. Em nota, a secretaria informou que todas as providencias estão sendo tomadas para elucidar o caso.

Semed prometeu tomar providências. Foto: Rodrigo Índio/Sn

Foi confirmado também que a direção da escola registrou o boletim de ocorrência e solicitou as imagens das câmeras de monitoramento da escola que serão entregues à policia, para ajudar na identificação dos meliantes.

Nesta quarta- feira, 16, será realizado um mutirão na escola para recuperar os danos.

Foto de capa: Rodrigo Índio/SN

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!