Quadrilha lucrou R$ 1,6 com empréstimos consignados fraudados no Amapá, diz PF

Segundo a Polícia Federal, 60 agentes cumprem 14 mandados de busca e apreensão em Macapá e Santana, na manhã desta quarta-feira (9).
Compartilhamentos

Da REDAÇÃO

Cerca de 60 agentes federais cumprem 14 mandados de busca e apreensão nas cidades de Macapá e Santana, na manhã desta quarta-feira (9), para desarticular uma suposta quadrilha que teria lucrado R$ 1,6 milhão com empréstimos consignados fraudados no Amapá.

A ação policial é chamada de Operação Bonecos. Segundo a polícia, a investigação teve início em 2016 após denúncias de servidores públicos lesados e de notícias-crimes reportando a ocorrência de empréstimos consignados fraudulentos.

Agentes federais cumpriram 14 mandados…

… e apreenderam carros…

… alguns de luxo. Fotos: Divulgação/PF

De acordo com as investigações, a maior parte da fraude ocorreu na Caixa Econômica Federal, mas também atingiu outras instituições financeiras que atuam no mercado financeiro amapaense.

A Polícia Federal não divulgou nenhum nome, mas informou que a dinâmica da fraude ocorreu com a participação de servidores públicos lotados na Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Amapá (SAMF).

Alguns dos alvos da ação desta manhã foram residências de servidores do órgão, onde os agentes encontraram farta documentação de funcionários públicos, como contracheques, comprovantes de residência, cópias de carteiras de identidades (algumas com indícios de falsificação), documentos geralmente usados na obtenção de empréstimos consignados.

Os agentes encontraram farta documentação de funcionários públicos, como contracheques…

… comprovantes de residência, cópias de carteiras de identidades

Os investigados poderão responder, pelos crimes de associação criminosa, estelionato majorado, uso de documento falso, falsificação de documento público, falsidade ideológica e inserção de dados falsos em sistema de informação. A pena pode chegar a 32 anos de reclusão.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!