Condenado a 42 anos de prisão por assaltos escapa do Iapen

Diego Gonçalves Mourão, de 24 anos, fugiu na tarde desta terça-feira (5) da cadeia, que fica localizada na zona oeste de Macapá.
Compartilhamentos

Da REDAÇÃO

O Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) confirmou a fuga de um perigoso detento condenado a mais de 42 anos de prisão por crimes de assalto à mão armada.

Diego Gonçalves Mourão, de 24 anos, escapou da prisão, localizada no bairro Marabaixo, na zona oeste de Macapá, na tarde desta terça-feira (5). A pena começou a ser cumprida em maio de 2017.

Diego Mourão era aluno da escola que funciona dentro do Iapen e fugiu usando uma corda artesanal. Fotos: Divulgação/Iapen

Segundo o Iapen, Mourão tinha um histórico de bom comportamento e por isso participava de atividades educacionais. No momento da fuga ele deveria estar na escola que funciona dentro do Iapen.

O fugitivo usou uma tereza (corda feita de tecidos, camisas e lençóis) para pular a muralha pelos fundos da escola. Um outro detento também tentou escapar, mas foi impedido por agentes penitenciários.

As forças de segurança do Estado foram comunicadas e fizeram incursões na mata e arredores do Iapen para recapturar o criminoso, mas até o fim da tarde ele ainda não havia sido localizado. Há 23 meses não havia registro de fuga pela muralha do Cadeião.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!