Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

O Procon Amapá iniciou nesta segunda-feira (30), uma fiscalização a estabelecimentos que vendem velas e flores em Macapá. A proposta é combater os preços abusivos por causa da proximidade do Dia de Finados, 2 de novembro. O alvo da operação são floriculturas, cemitérios, fábrica de velas e lojas.

A ação, denominada “Operação Dia de Finados”, vai verificar se os pontos de venda dos produtos estão em conformidade com as legislações vigentes, se possuem Código de Defesa do Consumidor, se há preço nos produtos, formas de pagamento, tabela de preços, informações dos serviços prestados nos cemitérios, procedimentos de assistência funeral e comercialização de jazigos.

Preços de flores são fiscalizados na ação Fotos: Divulgação

“Vamos passar nos três cemitérios da capital, em fábricas de velas e estabelecimentos próximos aos cemitérios”, disse o diretor-presidente do Procon, Eliton Chaves.

A operação segue até o dia 1º de novembro. Segundo a fiscalização do órgão, no primeiro dia de operação, houve notificações por falta de documentação e exemplar do Código do Consumidor. O balanço da fiscalização será divulgado após o fim da ação.

Fiscalização segue até o dia 1º de novembro Fotos: Divulgação

Compartilhamentos