Policiais são capacitados para atuar contra crimes eleitorais

MPF e TRE esperam capacitar cerca de 500 militares
Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Cerca de 150 policiais militares do Amapá receberam do Ministério Público Eleitoral uma capacitação sobre crimes eleitorais. A palestra foi proferida pela procuradora regional eleitoral Nathália Mariel.

Novas turmas do treinamento serão formadas na próxima quarta-feira (5) e no dia 12 deste mês.

Ao todo, o MP Eleitoral e o Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP), organizadores do evento, esperam capacitar 500 militares para o pleito.Os policiais receberam, nas últimas quinta (30) e sexta-feira (31), cartilha do TRE-AP sobre vedações e permissões na propaganda e foram orientados sobre como proceder em casos específicos. 

Procuradora Nathália Mariel conversa com turma da PM sobre procedimentos com crimes eleitorais. Foto: MPF-AP

Os procedimentos constam em documento expedido pelo MP Eleitoral aos promotores eleitorais e forças de segurança do Estado que vão atuar no pleito.

O documento destinado aos promotores eleitorais e aos órgãos de segurança pública estabelece os procedimentos a serem adotados diante das ilicitudes mais comuns na véspera e no dia da eleição. 

Foto de capa: arquivo SN

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.